15.4 C
Brazil
Tuesday, July 16, 2024
HomeBRASILArthur Lira confirma votação do PL das Fake News na Câmara nesta...

Arthur Lira confirma votação do PL das Fake News na Câmara nesta semana

Date:

Related stories

Inovação e sustentabilidade no campo serão apresentadas na Rondônia Rural Show Internacional

As instalações dos estandes no Centro Tecnológico Vandeci Rack,...

Prazo para regularizar o licenciamento anual de veículos com placa final 4 vai até dia 30

Detran-RO alerta motoristas para regularizar licenciamento anual. Motoristas e proprietários...

Começa hoje o julgamento que pode cassar o mandato de Sérgio Moro

A equipe de Moro informou que o senador não...
spot_imgspot_img

Projeto de combate às notícias falsas está na pauta da Casa; previsão é que requerimento de urgência seja votado até a quarta-feira, 26, e o projeto seja analisado em plenário na sequência

Presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL)

O presidente da Câmara dos DeputadosArthur Lira (PP-AL), confirmou nesta terça-feira, 25, a inclusão do projeto de combate às notícias falsas, o PL 2630/20, mais conhecido como PL das Fake News, na pauta de votações do plenário para esta semana. A previsão é que seja aprovado o requerimento de urgência para a matéria até a quarta, 26, e em seguida o projeto seja colocado em votação. Antes disso, no entanto, o relator da proposta, deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), vai apresentar o texto aos líderes partidários, em reunião na residência oficial da Presidência da Câmara. “Há uma narrativa falsa, de grandes plataformas, de que a população terá intervenção na sua internet. Pelo contrário, o que estamos prezando é garantir, na formalidade da lei, os direitos para que uma rede funcione para o que ela deve, e não para situações como, por exemplo, essa questão das escolas”, disse Lira. “Há de se ter um limite para isso, garantido a todos a sua liberdade de expressão, e cada um arca com as consequências do que fala nas redes”, ponderou o político alagoano.

Ainda que seja defendido pelo presidente da Câmara, o PL das Fake News é alvo de muitas críticas, especialmente de membros da oposição, que alegam riscos à liberdade de expressão e uso das normas de forma arbitrária ou autoritária. Na prática, a proposta tem como ponto principal tornar obrigatória a moderação de conteúdos na internet, sendo “identificadas, excluídas ou sinalizadas” postagens e contas com conteúdo considerado criminoso. Para que isso seja efetivo, as plataformas terão que analisar os conteúdos considerados ilegais, obedecer a regras de transparência e se submeter a auditoria externa. As big techs também deverão impedir o acesso de crianças às redes sociais e vetar a coleta de dados para perfis comportamentais e os aplicativos de mensagens terão que limitar a distribuição massiva de mensagens.

FONTE: JOVEM PAN

Subscribe

- Never miss a story with notifications

- Gain full access to our premium content

- Browse free from up to 5 devices at once

Latest stories

spot_img

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

porn
london escorts
betoffice
uluslararası zati eşya taşımacılığı türkiyeden almanyaya ev taşıma uluslararası evden eve nakliyat türkiyeden kıbrısa evden eve nakliyat türkiyeden kıbrısa ev taşıma fiyatları türkiyeden ingiltereye evden eve nakliyat yurtdışına ev taşıma zati eşya taşımacılığı
deneme bonusu veren siteler